Translate

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Prefeitura reabastece estoque de fitas para dosagem da glicemia

Prefeitura reabastece estoque de fitas para dosagem da glicemia
Rede municipal disponibilizará mais de 12 mil caixas para diabéticos cadastrados




Após herdar os estoques de remédios com um desabastecimento dos itens em 40%, a Prefeitura de Uberlândia vem reabastecendo aos poucos a compra de muitos medicamentos que são indispensáveis à população. No início desta semana, o Centro Municipal de Atenção ao Diabetes (CMAD) e as farmácias das Unidades de Atendimento Integrado (UAIs) voltaram a fornecer a fita para dosagem da glicemia capilar aos pacientes que dependem de insulina.

Ao todo, os estoques foram reabastecidos com 12 mil caixas e a Central de Abastecimento Farmacêutico (CAF) é responsável pela distribuição das fitas. Para atender às necessidades da rede municipal de saúde, a Prefeitura comprou parte do material para complementar as já fornecidas pelo estado.  
 O Centro de Atenção ao Diabetes tem cadastrado, atualmente, mais de 1.400 pacientes com diabetes Tipo 1 (quando o organismo produz pouca ou nenhuma insulina), que recebem de uma a duas caixas de tiras, além de seringas e lancetas, e cerca de 800 que fazem o acompanhamento da doença.             

            De acordo com coordenadora do Centro de Atenção ao Diabetes, Leila Maria de Oliveira, as tiras são muito importantes para o monitoramento diário destes pacientes, principalmente, dos que são diagnosticados com o diabetes Tipo 1. “Os pacientes estavam sem receber as tiras há mais de dois meses. A falta deste material prejudica quem faz o acompanhamento, especialmente os que têm o Tipo 1 da doença. Eles precisam dosar o nível de glicose no sangue pelo menos três vezes ao dia”, explicou.   

Segundo a coordenadora da Assistência Farmacêutica da CAF, Raquel Botelho, a quantidade é suficiente para atender a rede durante os próximos três meses e, em breve, pretende-se reforçar os estoques com outros materiais. “Recebemos os estoques praticamente zerados. Aos poucos estamos regularizando a compra dos medicamentos. Conseguimos normalizar ainda neste primeiro mês da nova gestão o fornecimento das tiras e, agora, estamos concentrados para reabastecer com a compra de seringas”, finalizou.


31/01/2017
Hismênia Keller
hismenia@uberlandia.mg.gov.br
(34)3239-2684