Translate

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Arte é usada na prevenção às drogas e ao álcool

Arte é usada na prevenção às drogas e ao álcool
Alunos de escola municipal participam de atividade de grafite e dança na Semana de Prevenção promovida pela Prefeitura de Uberlândia

 Créditos: Araípedes Luz - Secom/PMU
            O estudante Calebe Carlos Cruz tem 14 anos e nesta quinta-feira (22) viveu sua primeira experiência com a arte do grafite. A oportunidade de conhecer as técnicas e aplicá-las ocorreu durante uma ação da Semana de Prevenção às Drogas na Escola Municipal Domingos Pimentel de Ulhôa, no bairro Santa Mônica. A atividade foi realizada pela Prefeitura Municipal de Uberlândia para a conscientização da comunidade escolar quanto ao uso das drogas e do álcool.

            “O grafite é uma arte que pode tirar muitas pessoas do vício ou até mesmo não deixar que elas andem por este caminho”, disse Calebe Cruz, aluno do 9º ano do ensino fundamental. Embora seja muito jovem, o adolescente mostrou muita consciência quanto à arte usada na ação e destacou que o grafite não deve ser confundido com depredação.
 
Ferramenta

            Usar a arte como ferramenta no combate à dependência química é justamente um dos principais artifícios da semana. Para o coordenador do Núcleo de Reinserção Social, Cleiton Rocha dos Santos, também conhecido como Kakko, da Secretaria Municipal de Prevenção às Drogas, Defesa Social e Defesa Civil, apenas falar sobre os malefícios das drogas e do álcool nem sempre tem amplos resultados. “Quando fazemos isso de forma interativa, conseguimos despertar mais o interesse das pessoas”, destacou.

            Segundo a vice-diretora da Domingos Pimentel, Daniela Pereira Lopes Alves, quando a arte é utilizada no combate às drogas e ao álcool, as crianças e os adolescentes aprendem sobre o assunto com mais interesse. “Eles gostam muito de artes e usá-las para conscientizar é uma ótima ideia”, disse.

            As ações da Semana continuam até segunda-feira (26) com várias atividades como palestras, tendas e blitz educativa.

Confira a programação!

Projeto ‘Recomeço – Prevenção à Recaída’ na Comunidade Terapêutica Ser Livre Feminina
Plantio de mudas de árvores por acolhidas da comunidade terapêutica
Quando: Sexta-feira – 23 de junho – 14h
Local: Comunidade Terapêutica Ser Livre
Ação de prevenção à recaída: O evento consistirá em uma das edições do projeto Recomeço, de iniciativa do Núcleo de Reinserção Social, pertencente à Diretoria de Prevenção às Drogas e Reinserção Social. Será ministrada palestra motivacional e ocorrerão atividades culturais, lúdicas e de lazer, além de prestação de serviços gratuitos. O Recomeço surgiu para mostrar que o mais importante é a pessoa dar uma nova chance a si mesmo. Nessa perspectiva, o projeto contribui na construção de novos projetos de vida dos acolhidos das comunidades terapêuticas ainda dentro destes locais e depois, quando retornam ao convívio social.
Plantio de mudas: Para simbolizar o recomeço de uma vida livre das drogas, haverá plantio de mudas de árvores na comunidade terapêutica. As plantas são produzidas pelo Horto Municipal.

Caminhada pela vida e distribuição de material educativo no Parque do Sabiá
Quando: Domingo – 25 de junho – 8h
Local: Parque do Sabiá – Rua Haia, s/n, bairro Tibery
A caminhada terá a participação de segmentos ligados aos esportes e atividades sociais e educacionais. Os materiais educativos distribuídos abrangerão o uso das drogas e do álcool.

Tendas educativas e blitz educativa na praça Tubal Vilela
Quando: Segunda-feira – 26 de junho – 13h
Local: Praça Tubal Vilela, bairro Centro
Para marcar o encerramento da Semana de Prevenção às Drogas serão montadas tendas educativas onde o público será orientado sobre álcool e drogas e participará de atividades culturais e lúdicas. Durante a blitz educativa ocorrerá distribuição de panfletos informativos e orientações aos pedestres e motoristas.

22/06/17
Marden Rangel
3239-2883